“Je suis Cajazeiras”, de Sônia Menezes

Sônia Meneses Professora da Universidade Regional do Cariri 30/01/2018 No dia 7 de janeiro de 2015, dois atiradores, Saïd e Chérif Kouachi, mataram 12 pessoas em Paris, incluindo parte da equipe do jornal Charlie Hebdo. Aquele atentado foi considerado um dos piores que Paris havia presenciado e, imediatamente, uma gigantesca comoção mundial se fez. O clamor, … Continue lendo “Je suis Cajazeiras”, de Sônia Menezes